quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Licence to Kill

Há sorrisos que matam, e continuam livres, por aí, fazendo das suas.

12 comentários:

  1. Matam, pois. Têm muitas cáries.

    Os dos dentes de ouro assustam-me.

    ResponderEliminar
  2. Sorrisos e olhares...

    ResponderEliminar
  3. Os olhares são muito mais perigosos do que os sorrisos. Sobretudo, os que sabem sorrir. Olhos sorridentes são mortíferos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ai são? hummm... não sabia. :)

      Eliminar
    2. Não sabias, Maguigas, mas o Bren está cá para nos ensinar. Que ele sabe muitas coisas, olecas...

      Eliminar
    3. Bren, quanto aos olhares, concordo contigo, perfeitamente! Explicações para quê? Estava a ver se descobria um olhar sorridente e que fulminasse nos dois sentidos! Curioso! Não me lembro! Ando a deixar passar tanta coisa ao lado! Será por causa da imparidade do amor? E lá tinha que vir esta droga!

      Eliminar
  4. Isto é assunto para dentistas, não lhes parece? Muita gente morre ao receber a conta dos seus serviços....

    ResponderEliminar
  5. Olho Vivo, lá tinhas que vir para estragar estes genuínos e inocente olhares e sorrisos!

    ResponderEliminar
  6. É pá, vocês já viram como eu sou meia atoleimada? Não acerto uma. São s a mais ou a menos. É pai a duplicar! Não sei o que hei-de fazer à vida! Deve ser por causa da minha irmã gémea, a Isabel Maria, que passa a vida a dizer que eu não sou flor que se cheire.

    ResponderEliminar
  7. Depende do Bond que sorri.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. BOND, JAMES BOND at your service.

      Eliminar
    2. E qual deles és?

      Eliminar