quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Em fotografia vejo sempre o horizonte meio cheio


Kansuke Yamamoto, 1950

2 comentários:

  1. naqueles pucarozinhos dos restaurantes chineses nunca vejo a gaja despida

    (é parecido?)

    ResponderEliminar